A ex-subsecretária estadual de Saúde Rosângela Curado, presa durante a Operação Pegadores da Polícia Federal deve deixar a prisão ainda esta noite.

Ela conseguiu um Habeas Corpus Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1). Mais informações a qualquer momento.


O secretário de Articulação Política e de Comunicação do Estado do Maranhão, Márcio Jerry (PCdoB), usou sua página em uma rede social para fazer críticas à oposição, que segundo ele, está desesperada por saber que o governo trabalha na melhoria de vida dos Maranhenses.
Segundo Jerry, o governador Flávio Dino vem cumprindo uma agenda de mudanças reais no Maranhão, e isso tem incomodado a oposição. “Gov Flávio Dino vem cumprindo uma agenda de mudanças reais no Maranhão. Isso é o que exaspera a oposição patrimonialista que parasitou o estado por décadas” pontuou.
O secretário aproveitou e falou que a oposição começa perceber que saíram derrotados na eleição do ano que vem, e por isso começam a “inventar” coisas. “A oligarquia decadente sente o tempo passar, enxerga a derrota se aproximando mais uma vez e parte para todo tipo de ataque, que seguirá um roteiro de baixarias sem limites“disse.
Para finalizar, Jerry deixou claro que o governo não se intimidará com os ataques feito pela oposição. “Pessoas honradas, dignas, sérias, não se intimidam com mentiras, baixarias, vilezas. Ao contrário, se sentem mais dispostas a lutar com destemor, de cabeça erguida. É assim que seguimos lutando” finalizou.
.
.
.
.
Do Blog de Genivaldo Abreu


Poucas pessoas sabem, mas de acordo com o art. 1º da Lei 13.455/2017, os fornecedores têm o direito de não trabalharem com pagamento com cartões. Em regra, eles são obrigados a aceitar apenas a moeda corrente. Assim, o fornecedor é livre para definir as demais formas de pagamento. O Procon/MA orienta que os fornecedores devem deixar claro a não aceitação de cartões de crédito, com cartazes em locais de fácil visualização pelos consumidores.

“Mesmo que não seja obrigado a aceitar cartões, o fornecedor não pode de modo algum restringir a compra com cartões a um determinado valor nem a determinados produtos”, afirmou o presidente do Procon/MA e do VIVA, Duarte Júnior. 

Diferenciação de preços 

Após mudança das regras pelo Governo Federal, de acordo com o art. 1º da Lei 13.455/2017, fica autorizada também a diferenciação de preços de bens e serviços oferecidos ao público em função do prazo ou do instrumento de pagamento utilizado. Dessa forma, com a nova regra, os fornecedores podem realizar a diferenciação de preços pagos em espécie e no cartão.

O texto também obriga o fornecedor a informar, em local visível ao consumidor, os descontos oferecidos em função do meio e do prazo de pagamento. Se ele não cumprir a determinação, ficará sujeito a multas previstas no Código de Defesa do Consumidor (Lei 8.078/1990).

Caso o consumidor constate qualquer irregularidade, deve formalizar sua reclamação no PROCON, por meio dos canais virtuais (APP e site) e nas unidades físicas distribuídas pelo Maranhão.


Delegado Wedson Cajé Lopes chefiou a Operação Pegadores. (Foto: Reprodução)

A informação de que uma sorveteria prestou serviços hospitalares para a Secretaria de Saúde do Estado (SES) até fevereiro de 2015 é inverídica.

Diferentemente do que declarou o delegado da Polícia Federal, Wedson Cajé Lopes, que comandou a “Operação Pegadores”, a empresa CCO Indústria de Sorvetes Ltda., criada em 22 de janeiro de 2010 deixou de existir em 2013.

O Informante teve acesso a documentos do contrato de constituição da empresa e constatou que esta deixou de ser sorveteria em 4 de outubro de 2013, portanto dois anos antes de Flávio Dino assumir o governo, em janeiro de 2015.

A cláusula 4ª do contrato social altera a denominação social para Ágora Empreendimentos Educacionais Ltda.

O objeto social da Ágora, segundo a cláusula 5ª, alterou-se para treinamento em desenvolvimento profissional e gerencia; educação profissional de nível técnico (consultoria).

Em 2015, houve nova alteração contratual e a empresa Ágora passou a ser denominada ORC Gestão e Serviços Médicos Hospitalares Ltda-ME.

A cláusula 3ª do contrato social estabelece como objeto social atividades de atendimento hospitalar, exceto pronto socorro e unidades de atendimento de urgências.

Os documentos registrados na Junta Comercial do Maranhão põe por terra as afirmações da Polícia Federal de que uma sorveteria seria prestadora de serviços hospitalares para a Secretaria de Estado da Saúde.

.

.

Fonte: O informante


O ex-jogador de futebol Juninho Pernambucano, que vez ou outra emite opiniões políticas nas redes sociais, ironizou nesta quinta-feira (16), pelo Twitter, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes.

O ministro, conhecido por “proteger” aliados políticos como o senador Aécio Neves (PSDB-MG), não foi poupado pelo ex-atleta que, um dia após o Corinthians ser sacramentado como campeão do Campeonato Brasileiro, o elegeu como melhor “zagueiro” da temporada.

“Agora na hora de escolher os melhores, não esqueçam do melhor zagueiro da temporada. Protegeu seu time, não deixou passar nada, nem por cima nem por baixo e ainda liberou seus atacantes pra ficarem bem livres no jogo. Parabéns Gilmar Mendes, jogou demais…”, provocou Juninho.

Seu tweet viralizou e com um pouco mais de 4 horas de publicação já está bombando nas redes. Acompanhe abaixo a repercussão.


NOTA – Operação Pegadores

Sobre a nova fase de investigação da Polícia Federal, deflagrada nesta quinta-feira (16), no âmbito da Secretaria de Estado da Saúde (SES), o Governo do Maranhão declara que: 1. Os fatos têm origem no modelo anterior de prestação de serviços de saúde, todo baseado na contratação de entidades privadas, com natureza jurídica de Organizações Sociais, vigente desde governos passados.

2. Desde o início da atual gestão, tem sido adotadas medidas corretivas em relação a esse modelo. Citamos: 

a) instalação da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH), ente público que atualmente gerencia o maior número de unidades de saúde, reduzindo a participação de Organizações Sociais.
b) determinação e realização de processos seletivos públicos para contratação de empregados por parte das Organizações Sociais.
c) aprovação de lei com quadro efetivo da EMSERH, visando à realização de concurso público.
d) organização de quadro de auditores em Saúde, com processo seletivo público em andamento, visando aprimorar controles preventivos.

3. Desconhecemos a existência de pessoas contratadas por Organizações Sociais que não trabalhavam em hospitais e somos totalmente contrários a essa prática, caso realmente existente. 

4. Todos os demais fatos, supostamente ocorridos no âmbito das entidades privadas classificadas como Organizações Sociais, e que agora chegam ao nosso conhecimento, serão apurados administrativamente com medidas judiciais e extra judiciais cabíveis aos que deram prejuízo ao erário.

5. A SES não contratou empresa médica que teria sido sorveteria. Tal contratação, se existente, ocorreu no âmbito de entidade privada.

6. Apenas um servidor, citado no processo, está atualmente no quadro da Secretaria e será exonerado imediatamente.   Todos os demais já haviam sido exonerados.

7. A atual gestão da Secretaria de Estado da Saúde está totalmente à disposição para ajudar no total esclarecimento dos fatos.


A ex-secretária adjunta de Saúde, Rosângela Curado, está entre as pessoas presas durante a Operação Pegadores, deflagrada na manhã de hoje pela PF. Ela concorreu em Imperatriz nas eleições municipais do ano passado. Além dela, também estaria entre os presos o médico Mariano de Castro, que seria diretor do Samu em Caxias.

A Operação Pegadores foi deflagrada pela Polícia Federal na manhã de hoje (16) e apura indícios de desvios de recursos públicos federais por meio de fraudes na contratação e pagamento de pessoal, em Contratos de Gestão e Termos de Parceria firmados pelo Governo do Estado do Maranhão na área da saúde.

A operação conta com o apoio do Ministério Público Federal, do Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União (CGU) e da Receita Federal do Brasil.

Cerca de 130 policiais Federais cumprem 45 mandados judiciais, expedidos pela Juíza Federal Paula Souza Moraes da 1ª Vara Criminal Federal da Seção Judiciária do Maranhão. Estão sendo cumpridos 17 mandados de prisão temporária e 28 mandados de busca e apreensão em São Luís/MA, Imperatriz/MA, Amarante/MA e Teresina/PI, além do bloqueio judicial e sequestro de bens no total de R$18.000.000,00.

.

.

Com informações de Gilberto Léda


O vereador Júnior Abreu (PPS) voltou a cobrar a reabertura da Agência do Banco do Brasil na última sexta-feira (10) em pronunciamento durante a sessão da Câmara Municipal de Santo Antonio dos Lopes.

O parlamentar é autor de um requerimento aprovado por todos os vereadores da casa apresentado em 17 de março deste que pede a imediata reabertura da instituição bancária. No requerimento, o vereador Junior Abreu, cita que, além do poder público, todas as entidades representativas da sociedade civil deverão ser convocadas para discutir o problema.

Segundo Júnior Abreu, a agência do Banco do Brasil de Santo Antônio dos Lopes está  fechada ao público desde o dia 02 de Abril de 2015, após ser atacada por um grupo fortemente armado, que usando dinamite destruiu todo o prédio. “E mesmo com o prédio já completamente reformado, a agência continua praticamente fechada, atendendo apenas abertura de contas, causando sérios prejuízos para a população do município, que tem sido obrigada a se deslocar para as cidades vizinhas para ter acesso aos serviços bancários”, lamenta o vereador.

Audiência pública

Na próxima Sexta Feira a Câmara Municipal vai realizar uma audiência pública onde os vereadores estarão reunidos com algumas autoridades, incluindo o gerente do Banco do Brasil da cidade em busca de soluções para a reabertura da agência do Banco do Brasil em Santo Antônio dos Lopes-MA.


A Polícia do Maranhão faz buscas para descobrir o paradeiro do empresário Lúcio Genésio (Avante), foragido da Justiça desde que teve a prisão decretada, na manhã de ontem (14), por decisão do juiz Clésio Coelho Cunha. Ele é acusado de agredir a advogada Ludmila Rosa Ribeiro no último sábado (12) em São Luís.

Lúcio é irmão do prefeito de Pinheiro, Luciano Genésio (Avante), e se preparava para disputar uma vaga na Assembleia Legislativa do Maranhão nas eleições de 2018. Filiado ao Avante, partido dirigido pelo prefeito, o agressor comandava a juventude da legenda no Maranhão.

No início do ano, a família Genésio chegou a encomendar uma pesquisa eleitoral com o objetivo de avaliar o nome de Lúcio e da primeira dama do município, Thaiza Hortegal.

Em setembro,  ele prestou queixa contra blogueiros da cidade por calúnias, justificando que as criticas ocorriam por conta do crescimento do seu nome para deputado. “Com criminosos, lidamos é na Justiça”, sentenciou o valente irmão de Luciano Genésio nas redes sociais.


Após inúmeras manifestações de indignação e protesto, o irmão do prefeito de Pinheiro, Lúcio André Silva Soares, o Lúcio Genésio, teve decretada a prisão preventiva pelo crime de violência doméstica contra a ex-mulher, a advogada Ludmila Rosa Ribeiro da Silva.

Durante o dia inteiro de ontem (12) as fotos da vítima foram amplamente divulgadas pelos aplicativos de mensagem celulares e postadas em alguns blogs, provocando revolta na população. Lúcio André havia sido liberado, após pagamento de fiança (VEJA O DOCUMENTO), no valor de R$ 4.685, 00 (quatro mil, seiscentos e oitenta e cinco reais), ao arrepio da Lei da Maria da Penha, que veda o recurso nos casos de violência doméstica (artigo 313, inciso III e artigo 324, inciso IV, do Código de Processo Penal).

O delegado Valber do Socorro A. Braga, que concedeu a fiança ilegal (VEJA O DOCUMENTO), já revogada por força da lei, deverá ser investigado por suposto excesso de autoridade policial. A decisão é do juiz Clésio Coêlho Cunha, durante o Plantão Criminal em São Luís. Ele atendeu ao pedido da promotora Bianka Sekkef Sallem Rocha. O irmão do prefeito deverá responder a processo por Lesão Corporal Grave (artigo 129, do Código de Processo Penal), que tem pena prevista de 1 a 5 anos de prisão.

Esta é a segunda vez em que a advogada Ludmila Rosa Ribeiro da Silva, ex-mulher do irmão do prefeito Luciano Genésio, é espancada covardemente. No início do ano passado, ela foi agredida pelo acusado, grávida de cinco meses de um filho do casal.

.

.

Do Blog Buliçoso


Marinheiro de primeiro mandato, o prefeito Idan Torres, de Santa Filomena prova desconhecer completamente a história de criação do município para o qual foi eleito em outubro do ano passado. No banner que anuncia o aniversário da cidade, ele faz alusão ao aniversário dos 21 anos de Santa Filomena, quando na verdade são 23.

O erro do prefeito foi confundir a data de criação do município através da lei nº 6.178 de 10 de Novembro de 1994, com a sua instalação em 01 de janeiro de 1997, dia da posse dos primeiros prefeitos eleitos.

Um erro que levou a outros

A errar, Idan Torres e sua assessoria de comunicação levaram outras pessoas a também errarem. O principal porta-voz das ações da prefeitura, o Blog do Lobão, noticiou erradamente que o município faria 21 anos. O mesmo aconteceu com o Secretário Estadual de Comunicação e Articulação Política, Márcio Jerry, conforme vídeo abaixo.

Idan Torres tem a obrigação de saber a história do município onde é prefeito, ou no mínimo sua assessoria deveria conhecer e orientá-lo, para ele não ter feito a besteira que fez, cometendo um erro tão grave e ao mesmo tempo tão banal. Bastava consultar o site do IBGE, lá, informações relativas a todos os municípios, desde a simples data de aniversário, até os seus indicadores econômicos e financeiros são encontradas.

O prefeito Idan Torres anunciou a data do aniversário de seu município com pelo menos dois anos de atraso, talvez com base no atraso que é a sua administração. Não fosse o governador Flávio Dino realizando tantas e tantas obras, provavelmente, sua administração ainda não tivesse saído do lugar.


A população de Pedro do Rosário começou o sábado (11) com a entrega de uma obra muito esperada pela população: o trecho de 42 quilômetros da MA-006, que foi entregue pelo Governo do Estado.

“São mais de 34 anos que eu moro aqui e não tinha coisa mais ruim, mas agora é uma maravilha, é um sonho. Melhor do que isso aqui só o céu”, contou dona Zenilde Costa de Carvalho, que perdeu as contas de quantas vezes outros governos já mediram a estrada, “falavam que iam iniciar a obra e depois nunca mais voltavam”.

A via teve 42 quilômetros de asfalto renovado pelo Programa Mais Asfalto, melhorando o acesso entre Pedro do Rosário e o povoado Cocalinho, em Zé Doca. 

“Nós estamos aqui num momento muito importante, muito esperado há muitas décadas que é o sonho da estrada de Pedro do Rosário até a BR 316, realizado no nosso Governo. São 42 km de estrada pavimentada e sinalizada entregue à população da baixada, à população do Alto Turi; tenho certeza que toda a ligação entre as regiões vai ser feita por intermédio desta estrada”, disse Flávio Dino durante a entrega. 

“Além disso, a cidade está no conjunto de ações do Plano Mais IDH e com isso nós temos também hoje a inauguração de três sistemas de abastecimento da água. Também temos a garantia que muito em breve estarei aqui com mais inaugurações, mais realizações, mais direitos para o povo de Pedro do Rosário, juntamente com a Prefeitura Municipal, que vem nos ajudando em todas as nossas ações”, completou.

Moradores dos povoados Santa Rosinha, Boa Fé e da Área Comunitária Quilombola foram beneficiados com a entrega de três Sistemas Simplificados de Abastecimento de Água (SSAA), que totalizam 109 ligações domiciliares com investimentos de mais de R$ 560 mil. 

“Em nome de toda a população de Pedro do Rosário, agradeço o governador Flávio Dino pelo sistema de abastecimento de água, agradeço pelas casas que já foram entregues, pela cozinha comunitária que está em obras, agradeço pela ambulância, pela viatura e pela força médica que tem atuado no nosso município”, disse o prefeito de Pedro do Rosário, Raimundo Antônio.

Durante a manhã de inaugurações, produtores familiares de vários povoados participaram da Feirinha de Agricultura Familiar e associações de produtores receberam kits de irrigação para auxiliar na plantação. 

Títulos de terra

Em Pedro do Rosário, 25 famílias receberam a posse de suas propriedades com a entrega de títulos de terra, sob a coordenação do Instituto de Colonização e Terras do Maranhão (Iterma). 

José Malaquias Soeiro Gomes era só alegria ao receber o documento que comprova a posse de sua terra. “A gente que luta um dia se alegra com a vitória e essa vitória chegou hoje. É uma pequena área, mas eu fico muito satisfeito e agradecido porque foi nela onde criei meus filhos e agora tenho a comprovação de que sou o legítimo dono da minha terra”, disse o lavrador. 

Rua Digna

Ainda durante a solenidade, foi assinado o termo de colaboração com associações comunitárias rurais para a execução de pavimentação de ruas por meio do Programa Mutirão Rua Digna, beneficiando a Associação Comunitária Quilombola, do Povoado Santo Inácio, e a Associação Comunitária de Moradores e Pequenos Produtores Rurais do Povoado Vila Pessoa.


DO BLOG BULIÇOSO

Na noite de sábado, dia 11 de novembro do corrente ano, após lamentável cena de ciúme, o irmão do Prefeito de Pinheiro atentou novamente contra a vida de sua ex companheira, a advogada Ludmila Rosa Ribeiro da Silva.
Na tentativa de reconstituir a família, em um jantar para possível reconciliação, o agressor, Lúcio André Genésio, forçou a vítima a postar foto do casal em suas redes sociais, obrigando-a, ainda, a lhe entregar seu celular, para que pudesse verificar a existência de conversas com algum outro homem.


Em razão da negativa da vítima, que ainda chegou a postar uma foto apenas das mãos do “casal”, o agressor pediu a conta e informou que a deixaria em casa.
No caminho para a casa da vítima, após tirar a força o celular de sua bolsa, Lúcio André Genésio a espancou do restaurante, que ficava na Lagoa da Jansen, até sua casa, localizada na Cohama, onde a expulsou a chutes do carro.


Após empurrar a vítima pra fora do veículo, que não tinha mais forças sequer para pedir socorro, acelerou o carro com a intenção de atropelá-la, tendo sido impedido por uma vizinha, que o agressor acreditou ser agente de Polícia.
Outros vizinhos, ao perceberem a ocorrência, efetuaram a prisão em flagrante de Lúcio André Genésio, que, embora prometendo MATAR a vítima, já se encontra solto!

Mesmo tendo ameaçado a advogada de morte, o irmão do prefeito de Pinheiro pagou fiança e já está solto. A advogada, porém, está hospitalizada, em processo de recuperação, com traumas físicos e psicológicos.

Não é a primeira vez que o nome de Lúcio André aparece em denúncias de violência contra a ex-mulher. Em 2016, Ludmila foi espancada, mesmo estando grávida de 5 (cinco) meses do filho do casal, em Pinheiro, município atualmente administrado pelo irmão. A exposição das fotos da vítima espancada pode parecer chocante. Mas só há meio de evitar que agressões como esta se transformem em tragédias maiores, a exemplo dos assassinatos de mulheres, que crescem a cada dia no Maranhão: denunciando.


Um choque frontal entre um Siena e uma Caminhonete D-10 resultou na morte de cinco pessoas na noite deste sábado (11) por volta das 11 horas da noite na MA-362 que liga a cidade de Fortuna ao povoado Baixão Grande nas imediações da localidade Bandeira, Zona Rural de São Domingos do Maranhão.

De acordo com informações repassadas ao Blog do Adonias Soares, os quatro ocupantes do Siena teriam saído do povoado Morada Nova onde residiam com destino ao Baixão Grande; próximo ao povoado Bandeira bateram de frente com uma caminhonete D-10 que trafegava em sentido contrário. O impacto da batida foi tão forte que os cinco morreram no local do acidente.

A policia informou que até o momento não tem conhecimento das causas do acidente que vitimou fatalmente as cinco pessoas, quatro que estavam no Siena e o condutor da D-10; e nem se eles estavam sob efeito de álcool.

Ainda de acordo com a polícia os mortos foram identificados como sendo, Cláudio Naldo Batista de Sousa, Antonio Francisco Alves da Silva, Railson Silva Rodrigues, José Rodrigues da Silva e Francisco de Assis Ferreira Campos.


As Polícias Civil e Polícia Militar em operação comandada pelo Delegado Humberto Alves, titular da Delegacia de Dom Pedro e pelo Capitão Cid, comandante da Companhia Independente da Polícia Militar no município, apreenderam em flagrante, na noite de da última quinta-feira em Dom Pedro, dois adolescentes suspeitos de estarem envolvidos em diversos roubos, principalmente de celulares, e de prática de vários outros crimes.

De acordo com o Delegado Humberto Alves, a atuação criminosa da dupla acontecia também nas cidades de Santo Antônio dos Lopes, Gonçalves Dias e outras cidades da região.

Com os dois adolescentes a polícia apreendeu, três armas de fogo de fabricação artesanal, todas carregadas, pólvora, chumbo e vinte e três papelotes de maconha prensada pronta para comercialização.

Ainda de Acordo com Humberto Alves, os adolescentes permanecerão apreendidos à disposição da Justiça. Segundo ele, “a operação continuará, a fim de garantir a segurança da população de Dom Pedro e demais cidades vizinhas”.


123»» Última
Página 1 de 217
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com