Flávio-Dino-em-Pinheiro

A imagem acima é o print de um perfil do facebook, que a divulgou com o destaque “multidão recebe Flávio dino em Pinheiro”. De fato, é um mundo de gente reunida para receber o comunista. tanta gente que é possível conferir um por um. E assim, segundo apurou o blog, foi a passagem de Dino pela região da Baixada, nos últimos dois dias.  E haja “multidão”

Do Blog de Marco D´Eça


Foto 3 Reunião Sinfra e construtores

O secretário de Estado de Infraestrutura, José Raimundo Frazão, esteve reunido com os representantes das construtoras responsáveis pelas obras de pavimentação de vias urbanas nos municípios maranhenses, na tarde desta sexta-feira (1º), na sede da Sinfra, no Calhau. O Governo do Estado, por meio do órgão, executa o programa de Pavimentação de Vias Urbanas em todos os 217 municípios. Ao todo, são R$ 290 milhões em investimentos e 822 km, distribuídos em 26 Regionais e mais a Grande Ilha.

“O objetivo da reunião é fazer com que as 17 construtoras que estão trabalhando na pavimentação de vias urbanas compreendam a importância dessas obras, de primar pela qualidade dos serviços e o cumprimento dos prazos de execução para que possamos levar esses serviços e benefícios o quanto antes para a população”, destacou o secretário José Raimundo.

Para a assessora da Sinfra, Anna Caroline Salgado, o encontro foi positivo e possibilitou o acompanhamento atualizado da execução dos trabalhos em todas as regiões. “Os construtores trouxeram relatório atual com a situação de cada obra e se comprometeram a cumprir todos os prazos de entrega”, relatou.

Foto 1 Reunião Sinfra e construtores

O secretario José Raimundo ressaltou que a Sinfra acompanha e fiscaliza todos os trabalhos em execução e é fundamental a parceria entre as construtoras e a secretaria. “Estamos próximos das empresas que realizam essas obras, fiscalizando para que a qualidade esteja presente do começo ao final do produto e principalmente, para que a obra tenha vida útil longa e mostre para a população que vale a pena investir recursos como os que a governadora Roseana está investindo em cada município”, afirmou o secretário.

Também presentes o subsecretário Antônio Garrido; o adjunto de Obras Civis, José do Vale Filho; a assessora Especial da Sinfra, Anna Caroline Marques Salgado; o coordenador de fiscalização da gerenciadora do BNDES, Hernani Anconi; e o assessor de fiscalização, Ribamar Garcia.

Foto 2 Reunião Sinfra e construtores


Foto 1 governadora vistoria obra avenida dos holandeses foto Handson ChagasA governadora Roseana Sarney confirmou, para o final deste ano, a entrega dos serviços de duplicação da avenida dos Holandeses (MA-203), que compreende um trecho de três quilômetros entre o Araçagi e o entroncamento com a MA-204, próximo ao condomínio Alphaville.

Nesta sexta-feira (1o), a governadora, acompanhada do secretário de Estado de Infraestrutura, José Raimundo Frazão, vistoriou a obra orçada em R$ 31,1 milhões.

O trecho corresponde a uma primeira etapa do Anel Metropolitano, que integra uma série de melhorias de mobilidade urbana na Ilha de São Luís executadas pelo Governo do Estado. Após concluída a obra vai beneficiar 300 mil moradores de 56 bairros.

Esta obra é o começo da Avenida Metropolitana que vai passar por todos os municípios da Ilha de São Luís e, evidentemente, vai melhorar muito a infraestrutura urbana, o trânsito e a qualidade de vida das pessoas - anunciou Roseana Sarney que estava acompanhada, também, das secretárias Anna Graziella Costa (Casa Civil), Carla Georgina (Comunicação Social) e do chefe do Gabinete Militar, José Ribamar Vieira.

Durante a vistoria, a governadora conversou com os engenheiros da obra e operários e reforçou que os trabalhos devem ser intensificados. Roseana Sarney lembrou que outras obras de mobilidade urbanas estão sendo executadas pelo governo, em São Luís, para desafogar o trânsito em vias de grande fluxo de veículos.

Estamos trabalhando, também, na Via Expressa, que deve ser inaugurada em setembro. Temos a avenida IV Centenário, que está sendo construída, além da pavimentação asfáltica em algumas vias da nossa cidade – completou.


Segundo censo do IBGE/2010, o Maranhão é o estado mais rural do país, com 36,9% da população vivendo na zona rural. Para atender às demandas dessa parcela da população, o candidato ao governo do Estado, Lobão Filho (PMDB), desenvolveu o PAM Rural, plano acessório do Programa de Aceleração do Maranhão – PAM, que visa a atender as necessidades emergenciais do estado no período de quatro anos.

O PAM Rural contempla cinco programas voltados para o homem do campo. O programa “Alimentar”, por exemplo, deverá capacitar agricultores familiares, piscicultores e pescadores artesanais para que estes se tornem fornecedores de alimentos para a merenda escolar, rede hospitalar e restaurantes populares do estado, ampliando assim sua de renda.

Em 2013, a Organização das Nações Unidas – ONU apontou que a agricultura familiar é uma das principais atividades geradoras de novas fontes de trabalho na América Latina. No Brasil, a participação desta atividade nos empregos agrícolas é de 77%, com o Maranhão ocupando o sétimo lugar no ranking nacional, em termos de número de estabelecimentos (262.295).

O Programa “Grão Maranhão”, de incentivo à agroindústria e ao agronegócio, sobretudo de soja, milho, arroz e feijão, agregará valor aos nossos produtos e aumentará a participação do Maranhão no mercado nacional e internacional.

Sobre o cultivo de grãos no estado, Lobão Filho, em recente visita à região do Baixo Parnaíba, sublinhou o potencial da região. “Temos uma capacidade produtiva imensa, que precisa ser melhor explorada, melhor desenvolvida. Nós temos uma fronteira agrícola que já está avançando aqui, já temos uma plantação de grãos de grande força e temos que atacar outras culturas também, como a piscicultura”, assinalou.

Outra grande iniciativa dentro do PAM Rural é programa “A Baixada que faz”. Ele prevê a construção da barragem de Cajari, expandindo a produção e geração de emprego e renda na Baixada Maranhense, além de construir pequenas barragens em apoio à agricultura familiar e à pesca e criatórios de peixes.

O programa “Boi sem Febre” contempla ações de prevenção à febre aftosa, para manter nosso rebanho com o certificado internacional de território livre com vacinação e, ainda, aumentar nossa competitividade nos mercados nacional e internacional.

Fortalecendo a parceria entre governo e Embrapa, o programa “Frutas do Maranhão” tem como objetivo estimular a pesquisa, oferecer cursos de capacitação e reciclagem dos pequenos produtores rurais para aumentar a produtividade e dar à nossa fruticultura o selo de qualidade “Frutas do Maranhão”.

A iniciativa visa a eliminar os índices de atraso, redistribuir a riqueza do estado e resgatar a imagem do Maranhão diante do país, como forma de elevar a autoestima dos maranhenses.

“Ao alcançarmos os objetivos do PAM, teremos cumprido nosso papel de resgatar o direito dos cidadãos e dos nossos municípios de participarem do crescimento econômico do estado e conquistarem uma vida melhor e mais feliz”, finalizou Lobão Filho.


O promotor de justiça Pedro Lino Silva Curvelo, titular da 29ª Promotoria de Justiça Criminal, que atua na área de execuções penais, foi ameaçado de morte por um detento dentro do Complexo Penitenciário de Pedrinhas nesta quinta-feira (31).

O preso arremessou objetos contra a autoridade, jogou café no promotor e disse que vai matá-lo assim que deixar do presídio.

O caso por ameaça de morte foi registrado no 12º Distrito Policial em Pedrinhas.

Do Blog de Luis Cardoso


123»» Última
Página 1 de 351