A Polícia Civil do Maranhão através da Delegacia de Dom Pedro sob o comando do Delegado Humberto Alves, prendeu na manhã desta quinta-feira (13) uma quadrilha suspeita de comandar o tráfico de drogas na cidade.

A operação “ultimatum”, que contou com o apoio da Delegacia Regional de Presidente Dutra/MA e das Delegacias de Governador Eugênio Barros/MA, São Domingos/MA e Santo Antônio dos Lopes/MA, cumpriu 10 mandados de busca e apreensão. Durante a “batida policial” foram apreendidos os seguintes objetos:

  • 1 pistola calibre .380;
  • 1 revólver calibre .38;
  • 2 espingardas calibre .36;
  • 1 espingarda “bate-bucha”;
  • 97 cartuchos intactos de calibres de uso permitido e restrito de diversos calibres (12, 28, 36, 44 e 357 Magnum);
  • Cerca de R$ 3.000,00 em dinheiro;
  • 3 veículos de procedência duvidosa;
  • 3 balanças de precisão;
  • 20g de substância semelhante à cocaína;
  • objetos e insumos para preparação de drogas;
  • 16 aparelhos celulares e
  • 4 relógios de procedência duvidosa.

Na oportunidade, dez pessoas foram conduzidas e autuadas por tráfico de drogas, posse ilegal de munições e armas de fogo de uso permitido e de uso restrito. Entre os autuados em flagrante, estão: Francisco Marcos Barbosa dos Santos, vulgo “Chefinho” ou “Renault”, Paulo Duarte dos Santos (pai do Chefinho), Itelvane Teixeira de Sousa e Jorge Luís Carvalho Sousa, vulgo “Caladinho”.

Os conduzidos serão encaminhados ao Centro de Ressocialização de Presidente Dutra/MA, onde permanecerão presos, à disposição da Justiça.

Durante a operação, dois menores que respondem por roubos foram apreendidos na cidade de Gonçalves Dias.

adonias