De acordo com a jornalista Samantha Cavalca, correspondente da TV Meio Norte em Brasília, a ex-governadora Roseana Sarney (PMDB) reuniu-se na terça-feira (25) com o presidente Michel Temer na capital federal.

No encontro, segundo a repórter, ficou definido que ela será candidata a deputada federal e o irmão, o ministro de Meio Ambiente Sarney Filho (PV), concorrerá ao Senado. “Foi batido o martelo em relação a duas questões relacionadas a família Sarney. Roseana sairá para deputada federal e o Sarney Filho que é o ministro do Meio Ambiente para o Senado”, afirmou a jornalista durante o quadro Jogo do Poder no Jornal Agora, da TV Meio Norte (PI).

Para o governo, o nome mais provável é o do senador João Alberto. “No momento, uma renúncia de Michel Temer não interessa à família Sarney, já que a mesma não possui o apoio do Palácio dos Leões e quer continuar contando com o apoio do Palácio do Planalto em Brasília”, revelou Samantha.

A ex-governadora Roseana e o pai, o ex-senador José Sarney são os principais apoiadores do presidente Michel Temer, que conta no momento com 94% de desaprovação. Foi Sarney que aconselhou Temer a não renunciar e continuar no cargo quando das denúncias de corrupção envolvendo seu governo

.

.

Por: John Cutrim

adonias