Sindicato dos Urbanitários faz manifestação contra desmandos e arbitrariedades cometidas pelo Gestor da CAEMA de Presidente Dutra

20151023114618

Representantes do Sindicato dos Urbanitários do Maranhão- STIU-MA liderados pelo diretor jurídico Wellington Muniz e pelo secretário geral Fernando Pereira, fizeram uma manifestação na porta da Unidade Regional da CAEMA de Presidente Dutra na manhã desta sexta-feira. Na pauta de reivindicações eles exigem cinco condições consideradas de essencial importância para o cumprimento do trabalho diário.

– Climatização das Salas (Ar condicionado),

– Aquisição de Mesas, Cadeiras e Bebedouros,

– Conservação das instalações,

– Instalação de Iluminação adequada e

– Sistema de Comunicação (Telefone, computador e internete), entre outros.

20151023114615 (5)

Os Urbanitários exigem ainda a Regularização do Fundo Fixo, que segundo eles, foi informado pelo Gestor, não está repassado há mais de cinco meses.

Durante o ato de protesto que recebeu a adesão de todos os servidores da unidade local, foi denunciado também os desmandos e as arbitrariedades cometidas pelo atual  Gestor Regional Jacyon Gonçalves Parente, conhecido como Machadinho. “O gestor Machadinho tem nos obrigado até entregar contas de água nas casas que há três meses não vai um pingo de água”, acusa um servidor que não quis se identificar.

20151023114615 (4)

Os portões de acesso ao prédio foram trancados com cadeados. Procurado para dar sua versão, Machadinho não se encontrava no local no momento da manifestação.

11056675_10206511495332440_1421557853_n
Jacyon Gonçalves Parente, o Machadinho, Gestor Regional da CAEMA de Presidente Dutra.

De acordo com funcionários que trabalham há vários anos na Unidade Regional e que não quiseram ser identificados, a CAEMA de Presidente Dutra nunca foi tão mal administrada como atualmente. “Aqui não temos condições nenhuma de trabalho e ainda vivemos como se fosse num quartel devido às pressões e arbitrariedades cometidas pelo gerente regional Machadinho”, declarou outro servidor.

Não tem como uma regional da CAEMA do porte da unidade de Presidente Dutra funcionar que preste, tendo como seu gestor um professor de história que nunca trabalhou na área e era inclusive membro do SINTESPEM de Gonçalves Dias até 2012, cidade onde foi candidato a vereador não conseguindo nem ficar na suplência. Talvez tenham sido esses “os atributos” escolhidos pelo governo Flávio Dino para dar o emprego a Machadinho.

Mas essa é uma outra história…

20151023114615 (6)

20151023114842

20151023114839

Publicidade
Publicidade
Arquivos do blog