Agiotagem no MA: Polícia Civil prende ex-tesoureiro de São Matheus e deixa de fora o prefeito Miltinho Aragão

miltinho-aragao-sao-mateus-e1438658237903-940x540
Miltinho Aragão, prefeito de São Mateus e aliado de Flávio Dino

Em operação contra a Máfia da Agiotagem que atua há anos no maranhão, a Polícia Civil prendeu preventivamente na última sexta-feira dia 20/11 o ex-tesoureiro da prefeitura de São Matheus Washington José Oliveira Costa que já tinha um mandado de prisão contra si e só localizado e preso na manhã deste sábado. Ele foi levado direto para o Complexo Penitenciário de Pedrinhas.

Durante as operações “Maharaja” e “Morta-Viva”, homens da Polícia Civil e do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público encontraram no cofre do agiota Josival Cavalcanti, o Pacovan, vários cheques e documentos, dentre eles duas folhas de cheque do Banco do Brasil pertencentes ao município, assinado nos dias 31 de março e 30 de abril deste ano, no valor de R$ R$ 106.667,00 cada.

Na época, em nota à imprensa, Washington José assumiu a culpa pelo repasse do cheque a Pacovan e disse que o prefeito Miltinho Aragão (PSB) não havia autorizado a operação.

Além da assinatura de Washington José Oliveira Costa nas duas folhas de cheque, uma outra assinatura também estava no documento. Questionado por conta do “Aragão”, se a outra assinatura era do chefe do Executivo – que é aliado do governador Flávio Dino (PCdoB) -, o delegado-geral da Polícia Civil, Augusto Barros, não soube informar. Foi tentado contato com o delegado Lawrence Melo Pereira, da Superintendência de Combate a Corrupção (Secor), mas ele não atendeu as chamadas e nem retornou contato.

O prefeito Miltinho Aragão (PSB) está em polvorosa e se articula para tirar Washington Oliveira Costa de Pedrinhas de Pedrinhas ainda hoje. Miltinho tenta evitar que a esposa do ex-tesoureiro de São Mateus conte à imprensa tudo o que sabe sobre o caso.

.

.

Com informações do Atual7

Publicidade
Publicidade
Arquivos do blog