O prefeito eleito Alexandre Costa e o vice Curió, serão diplomados pela Justiça Eleitoral e empossados pela Câmara Municipal nasta terça-feira (28).

A audiência de diplomação está prevista pra começar as 14:00h no Cartório eleitoral e será presidida pelo Juiz Haderson Rezende Ribeiro, titular da 48ª Zona Eleitoral de Dom Pedro; o magistrado esclarece que não se trata de um evento festivo, mas de uma simples cerimônia de oficialização da aprovação popular em ambiente de espaço limitado, pelo que se sugere, a participação apenas dos diplomados, seus familiares e representantes.

Em seguida, Alexandre e Curió serão empossados pela Câmara Municipal, cuja Sessão Solene deverá ser presidida pela vereadora Rosa Nogueira, que desde 1º de janeiro deste ano ocupava o cargo de prefeita interina em razão do imbróglio político instalado no município durante a campanha eleitoral do ano passado.

Entenda o caso

Alexandre Costa (PSC) concorreu à prefeitura de Dom Pedro na eleição do ano passado enfrentando o então prefeito Hernando Macêdo do PC do B. Mesmo tendo sua candidatura barrada pela Justiça Eleitoral, Costa decidiu continuar com a campanha mesmo corrido o risco de ter seus votos nulos.

Não deu outra; os votos nulos, 7.997 superaram os votos dados a Macêdo 6.026; uma diferença de 1.971 sufrágios.

Como Hernando não consegui obter 50% mais um, o caso subiu para o TSE, que, entre idas e vindas e depois de vários julgamentos, decidiu validar a votação, declarando Alexandre Costa o prefeito eleito de fato e de direto de Dom Pedro.

O puxa-encolhe do TSE durou mais de dez meses. Nesse período a prefeitura foi comandada pela vereadora Rosa Nogueira, que foi eleita presidenta da Câmara Municipal no dia 1º de Janeiro, cargo que a levou ao Palácio Ananias Costa. Com a posse de Alexandre Costa e do vice Curió nesta terça, Rosa Nogueira volta à presidência do legislativo dom-pedrense.

adonias

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com